Como criar um aplicativo de mobilidade urbana: passo a passo

Como criar um aplicativo de mobilidade urbana

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Saber como criar um aplicativo de mobilidade urbana pode ser a solução que você tanto busca para garantir a sua presença digital e ainda atacar um problema latente no Brasil.

Embora seja um setor, aparentemente, dominado por empresas já consolidadas, sempre é possível encontrar novas alternativas e se destacar perante a concorrência.

Neste artigo, preparamos um passo a passo de como desenvolver um app de mobilidade urbana, trazemos números que justificam por que investir no segmento e exemplos que podem servir de inspiração.

Confira!

Como criar um aplicativo de mobilidade urbana?

Um app de mobilidade urbana é um projeto digital que tem como objetivo central funcionar como modelo alternativo de transporte de passageiros.

Entre os seus principais benefícios, podemos citar o controle de fluxos, a facilitação de deslocamentos e a diminuição dos impactos nocivos ao meio ambiente, a partir da otimização de veículos e motoristas.

Para criar esse tipo de solução, separamos um passo a passo que pode ajudar você. 

Acompanhe!

Conte com uma equipe de desenvolvedores 

Tudo começa com quem vai criar o seu app de mobilidade urbana, e a dica é buscar uma empresa especializada nessa modalidade de solução.

Afinal, são necessários conhecimentos específicos de configuração, como otimização de sistemas de geolocalização e de pagamentos.

Defina o fluxo do usuário

Aplicativos de mobilidade urbana, normalmente, contam com dois tipos de versão: uma voltada para passageiros e outra para motoristas.

Ou seja, é preciso pensar não apenas em um app, mas em dois.

Isso significa definir diferentes fluxos do usuário.

Por exemplo, enquanto na versão do passageiro, depois de solicitada a corrida, aparece a localização do motorista, na deste mostra onde ele deve encontrar o cliente.

Implemente um sistema de geolocalização

A base de qualquer aplicativo de mobilidade urbana é o sistema de geolocalização.

Para implementar esse tipo de recurso, é preciso utilizar APIs para que tanto motorista quanto passageiro possam conferir o deslocamento em tempo real um do outro.

O Google Maps é o API mais famoso, mas também existem outros, como o Mapbox, por exemplo.

Utilize um sistema de pagamento in-app

O seu app de mobilidade urbana precisa ter algum sistema de pagamento integrado.

Normalmente, são utilizados gateways, que também são um tipo de API.

Nesses recursos é onde ocorre a vinculação com as bandeiras dos cartões de crédito e as instituições bancárias.

É neles também em que é calculada a porcentagem do pagamento, já que uma parte fica com o motorista e outra vai para o app.

Estabeleça um canal de comunicação e notificações

Motoristas e passageiros devem contar com ferramentas de comunicação dentro da plataforma.

É aqui que entram os chats e as notificações push, por exemplo.

O primeiro é vital para diálogos mais imediatos, como informação de contratempos.

Já o segundo serve mais como um alerta, que pode ser usado para divulgação de promoções ou mesmo para o detalhamento de dados do usuário (nome do motorista, modelo do carro, notas e avaliações).

Tenha um método de avaliação

Por falar em notas, é fundamental desenvolver um sistema de avaliação para o seu app de mobilidade urbana.

Assim, os usuários vão poder relatar as suas experiências e compartilhar com outros clientes.

Além de ser uma maneira de valorizar motoristas e passageiros que se portam bem, o mecanismo também funciona como um método de segurança.

Invista em diferenciais

Diversas empresas já trabalham com soluções digitais na área de mobilidade urbana.

Para se destacar frente à concorrência, é preciso buscar formas de se diferenciar.

Atender a um público mais específico, como transporte para pets, já com as caixas próprias para os animais, ou veículos adaptados para pessoas com necessidades especiais pode ser uma saída interessante.

Por que criar um app de mobilidade urbana?

Investir em um app de mobilidade urbana, sobretudo no Brasil, é apostar em uma solução que está dando certo.

Um estudo recente da International Data Corporation (IDC), encaminhado pelo PayPal, elencou uma série de razões que apontam o sucesso desses projetos por aqui:

  • 54% consideram precária ou insuficiente a oferta de transporte público em suas cidades
  • 69% responderam que utilizam apps de mobilidade urbana pelo menos uma vez por semana
  • 75% disseram que se sentem mais seguros com os aplicativos de mobilidade urbana
  • 77% afirmaram que a falta de pagamentos via app dificulta o uso do transporte público
  • 86% concordaram que mais opções de transportes aumentam a qualidade de vida.

Outro número que pode chamar a sua atenção e incentivar a criação de um aplicativo de mobilidade urbana é que a Uber, maior empresa do segmento (falaremos a respeito dela a seguir), está presente em apenas 5% dos municípios brasileiros.

Essa é a sua chance de criar um app com uma abrangência mais local.

7 exemplos de aplicativo para se inspirar

Exemplos de apps de mobilidade urbana não faltam, por isso, separamos sete para você se inspirar e criar o seu:

  • Uber: empresa que lidera o segmento no país, conta com mais de 22 milhões de usuários no Brasil e 103 milhões no mundo todo
  • 99: primeiro unicórnio nacional e principal rival da Uber no país, tem 18 milhões de usuários ativos no Brasil
  • Cabify: concorrente das duas anteriores, foca em um serviço premium com carros mais modernos e bem equipados
  • BlaBlaCar: tem um propósito diferente, voltado para viagens entre cidades com compartilhamento de custos
  • Yellow: primeiro app da lista para aluguel de bikes, com ele é possível pegar uma bicicleta e deixar em (quase) qualquer lugar público
  • Bike Itaú: tem finalidade semelhante ao da Yellow, no entanto, as bicicletas só podem ser retiradas e colocadas de volta em estações da marca
  • Grin: faz parte do grupo da Yellow, só que em vez de locar bikes, você aluga patinetes; a lógica restante é a mesma.

Conclusão

Não sabe como criar um aplicativo de mobilidade urbana? Nós, do Mundo DevOps, ajudamos você!

Notificações por meio de push, chat em tempo real, GPS, localização e rotas, além de pagamentos online e com segurança são algumas das nossas expertises.

Acesse agora mesmo o nosso site e solicite já o seu orçamento!

Assine a nossa newsletter

Receba atualizações e aprenda com os melhores

Veja mais

Você Quer Impulsionar Seu Negócio?

mande-nos uma mensagem e mantenha contato

Atendimento Mundo DevOps
Enviar via WhatsApp